A Sutil Arte de Ligar o Foda-se
Filosofia , Política , Psicologia , Saude , Teoria e Crítica / 15 de Janeiro de 2018

Chega de tentar buscar um sucesso que só existe na sua cabeça. Chega de se torturar para pensar positivo enquanto sua vida vai ladeira abaixo. Chega de se sentir inferior por não ver o lado bom de estar no fundo do poço. Coaching, autoajuda, desenvolvimento pessoal, mentalização positiva – sem querer desprezar o valor de nada disso, a grande verdade é que às vezes nos sentimos quase sufocados diante da pressão infinita por parecermos otimistas o tempo todo. É um pecado social se deixar abater quando as coisas não vão bem. Ninguém pode fracassar simplesmente, sem aprender nada com isso. Não dá mais. É insuportável. E é aí que entra a revolucionária e sutil arte de ligar o foda-se. Mark Manson usa toda a sua sagacidade de escritor e seu olhar crítico para propor um novo caminho rumo a uma vida melhor, mais coerente com a realidade e consciente dos nossos limites. E ele faz isso da melhor maneira. Como um verdadeiro amigo, Mark se senta ao seu lado e diz, olhando nos seus olhos: você não é tão especial. Ele conta umas piadas aqui, dá uns exemplos inusitados ali, joga umas verdades na sua cara e pronto, você já…

A Verdade por trás do Google
Biografia , Filosofia , Teoria e Crítica / 28 de dezembro de 2017

Quais são as verdadeiras intenções do Google? E o que ele pretende fazer com todas as informações que possui a respeito das pessoas? Com essas perguntas em mente, o autor tenta descobrir o que há por trás da empresa. A partir de documentos e entrevistas com pessoas do setor e com ex-funcionários, ele analisa as práticas da empresa, sua expansão e sua relação com algumas concorrentes.

Cenas da Vida na Aldeia
Contos , Destaques , Filosofia / 27 de dezembro de 2017

Na juventude, o escritor israelense Amós Oz viveu em um kibutz – uma fazenda coletiva. Hoje, ele mora em Arad, pequena cidade do Deserto de Negev. A experiência da vida em localidades pequenas e isoladas transparece nesta coletânea – sete dos oito contos têm lugar em uma aldeia fictícia, Tel Ilan. Não é uma visão compassiva: são contos muitas vezes amargos, com personagens que buscam a aldeia não pela suposta vida simples do interior, mas para se refugiar de vilezas e mesquinharias do passado. Um dos maiores escritores de seu país, Oz, de 70 anos, é conhecido como uma personalidade atuante – e uma voz moderada – no conturbado cenário político de Israel. Mas se irrita com os críticos que tentam ler alegorias políticas em seus contos: “A ação do livro transcorre em Israel, mas ele não trata da condição israelense, e sim da condição humana”, disse em entrevista ao jornal Haaretz.

Foucault – Filosofia & Política
Destaques , Filosofia , Historia , Política / 18 de dezembro de 2017

Organizada por especialistas na produção intelectual de Michel Foucault, esta obra, integrante da coleção Estudos Foucaultianos, traz grande parte das discussões e indagações apresentadas no VI Colóquio Internacional Michel Foucault: Filosofia e Política, realizado em 2009 no Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Este livro oferece uma série de artigos que discutem sobre os estudos de Michel Foucault acerca de filosofia e política. Para tanto, os autores produziram aqui análises sobre as relações de saber e de poder que revelam, com muita propriedade, os nexos entre filosofia, presente histórico e participação política presentes na obra do filósofo francês.

Dialética do Esclarecimento
Filosofia / 15 de dezembro de 2017

Considerado como a pedra angular das idéias que tiveram por berço a Escola de Frankfurt, este livro é uma crítica filosófica e psicológica de amplo espectro das categorias ocidentais da razão e da natureza, de Homero a Nietzsche. “A expressão indústria cultural foi empregada pela primeira vez neste livro, saudado como um clássico desde sua publicação em 1947.” Jornal do Brasil “Melancólico, pessimista, iluminista, duro, datado, perene. Inegavelmente um livro com a marca deste século 20 .” Folha de S. Paulo “Uma longa digressão sobre a história do pensamento, mostrando como a mitologia se transforma em filosofia e depois em ciência, como o progresso técnico vira regressão ideológica e, finalmente, como a cultura serve de base para a barbárie fascista.”

Compartilhe nosso site na sua Rede Social

Deixe seus amigos leitores saberem do nosso site.
close-link